CANOA BLUES 2018

O roteiro da boa música

Canoa Quebrada, em Aracati, no Ceará, é palco para principais nomes do Blues nacional. E, nos dias 9, 10 e 11 de novembro de 2018, sexta a domingo, o estilo se incorpora a um cenário paradisíaco da mais charmosa praia do Ceará e faz do festival Canoa Blues o ponto de encontro para quem curte e vive música de qualidade.

Chegando à décima primeira edição, o Canoa Blues integra o calendário oficial de eventos do Ceará e atrai, além de cearenses, turistas de diferentes outros estados e países.

Na edição 2018, o festival antecipa mais uma vez um dia de apresentação e fará em Fortaleza sessões com a essência do Blues. Em 1º de novembro, quinta-feira, o Centro Cultural Banco do Nordeste vai receber shows da banda Cyara Blues e da formação capitaneada pelo guitarrista Marcelo Justa e pelo baterista Carlinhos Perdigão.

Já em Canoa Quebrada, as atrações são a formação Blues do Nordeste, com Roberto Lessa (CE), André de Sousa (PI), Gustavo Cocentino (RN) e Rodrigo Morcego (PE), a cantora paulista Bia Marquese, o projeto Marley Blues, com repertório que soma clássicos do Blues e do Reggae, e a banda curitibana Mr. Jack.

A agenda será concluída por Jam Session comandada pelo cantor e gaitista Kazane e pelo guitarrista Roberto Lessa.


E o Canoa Blues, como nas edições anteriores, tem atenção para a responsabilidade social. Este ano, o Festival realiza curso de introdução à eletrônica, com aula para jovens da comunidade sobre produção de microfones artesanais. E está estimulando que o público faça doação de livros, que serão repassados ao Conselho Comunitário de Canoa Quebrada. As doações serão recolhidas nos locais dos shows. Também haverá oficina de arte-educação para crianças e adolescentes da comunidade, em 23 de novembro, na ONG Canoa Criança.

Todos os shows em Fortaleza e em Canoa Quebrada, assim como as atividades de arte-educação, são inteiramente gratuitos ao público.